A energia solar têm sido uma grande aposta para a produção de energia elétrica em nosso Estado, o Nordeste, que atingiu o recorde de 675 megawatts com fator de capacidade batendo os 86%. Como bem se sabe, essa energia proveniente do Sol é renovável, limpa, sustentável e mais acessível. Nos últimos anos, os Estados querem fazer um maior investimento, pois houve uma queda nos preços dos equipamentos para produção dela.
Pesquisas de mercado estimam que haverá uma queda maior no preço desses equipamentos, a previsão feita em dez anos é de que o gasto com sistemas solares fique cada vez mais acessível. O custo-benefício foi importante para atrair os mais diversos governos estaduais a investir em ações e linhas de crédito para levar energia solar a mais consumidores.
Em nosso País, a energia solar ainda atinge 0,8% de toda a produção de energia e só para esse ano, espera-se um salto de 115%. No final do ano de 2017, foram instalados no Brasil 20.794 sistemas de energia solar fotovoltaica. Até o final de 2018, o número pode aumentar para cerca de 50 mil sistemas instalados, espalhados pelos mais diversos Estados.
O sistema pode ser instalado nos mais diversos tipos de estabelecimentos, desde pequenos comércios até escolas e grandes edifícios, e até residências; para isto basta uma equipe especializada fazer todo o planejamento e avaliação do lugar.
Dados da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR) revelam que “o Brasil possui hoje 37,1 mil sistemas solares fotovoltaicos conectados à rede, 44,7 mil unidades consumidoras, e mais de R$ 2,5 bilhões em investimentos acumulados desde 2012, distribuídos ao redor de todas as regiões do País. Em número de sistemas instalados, os consumidores residenciais estão no topo da lista, representando 76,7% do total”.
Não é de se estranhar que o Brasil é uma nação com o maior potencial energético quando o assunto é energia solar. Como bem sabemos, a Região Nordeste abriga grande parte das usinas solares e eólicas do Brasil que devido a sua excelente performance exporta energia para outros Estados.
Ainda de acordo com os dados obtidos da Absolar, Minas Gerais é o estado que mais gera energia distribuída com a capacidade de 37,9 Megawatts. Já no Nordeste, o Ceará é o maior gerador com capacidade de 20,6 Megawatts. Esses dois Estados contam com altos investimentos que envolvem energia solar e podem servir como referência para os demais.
Veja outras matérias relacionadas: instalar um sistema de energia solarenergia solar para empresas é sinônimo de economia e Nordeste atingiu um novo patamar.

Pronto para um atendimento de ponta?

Realize agora a simulação do SEU projeto de Energia Solar

OBTER ORÇAMENTO
(083) 9324-0200

Continue Lendo

Fique por dentro de nossos conteúdos!

Cadastre-se em nossa Newsletter para receber as novidades sobre energias renováveis em seu e-mail

Obrigado pela sua mensagem. Já foi enviada.
Ocorreu um erro ao tentar enviar sua mensagem. Por favor, tente novamente mais tarde.